Rubysistsforjapan-badge

A sintaxe fácil e intuitiva de Ruby possibilita que ela seja uma boa opção para uso em aplicações complexas, como games. E uma rápida pesquisa na internet traz à tona várias bibliotecas que possibilitam desenvolver jogos para computador usando o estilo Ruby de programar.

Caso você queira desvendar os mistérios da criação de games através da linguagem Ruby, separamos abaixo três materiais que entendemos serem interessantes para quem vai encarar esse desafio. Primeiro, listamos uma série de bibliotecas para criação de games. São várias delas, que possibilitam criar games 2D e 3D, cada uma com suas particularidades. Escolha a sua e mãos a obra.

Segundo, trazemos alguns tutoriais interessantes para facilitar o aprendizado das bibliotecas (pelo menos as mais conhecidas). E, por último, links de alguns códigos-fonte para você estudar e entender como funciona a lógica dos games.

Os mais atentos vão perceber que há uma categoria extra, onde linkamos três artigos abordando alguns pontos positivos e negativos da criação de games com Ruby.  Esses artigos servem para que possamos entender os pontos fortes e pontos fracos do uso da linguagem em games; Assim você pode iniciar seu projeto atento a essas características.

O principal ponto negativo abordado pelos autores é que games em Ruby são mais lentos, comparados a outras linguagens. Isso deve-se ao fato de que as bibliotecas não são nativas em Ruby, mas pontes para outras bibliotecas (em C ou C++). De qualquer forma, como Ruby permite agilizar bastante o desenvolvimento, pode ser usada dentre outras coisas para prototipagem dos games.


Bibliotecas Ruby

  • RubyGame
    Rubygame é uma biblioteca multimidia cross-platform para a linguagem de programação mais bela do planeta: Ruby. Ela adota o espírito Ruby para fornecer aos desenvolvedores com uma biblioteca simples e fácil de usar para que você possa fazer coisas de forma indolor, porém poderosa e flexível. É uma das mais utilizadas, e permite criar games 2D e 3D.
  • Gosu
    Gosu é uma biblioteca para desenvolvimento de games 2D com Ruby e C++, disponível para Mac OS X, Windows e Linux. Permite criar textos e gráficos 2D, samples de som em vários formatos e input’s através de teclado, mouse e gamepad. A versão C++ também está disponível para iPad, iPhone e iPod Touch.
  • Ray
    Ray é uma biblioteca para escrever games de forma divertida com Ruby, usando DSL. Ray permite criar janelas, tocar músicas e desenhar gráficos 2D (ou 3D não muito complexos com um pouco mais de trabalho, graças a OpenGL). Ela é fácil de usar (ao estilo Shoes), flexível  e poderosa.
  • RUDL
    A RUDL faz interface entre a Simple Directmedia Library com a linguagem Ruby, possibilitando executar gráficos de alta velocidade, som e recursos de input. Seu modelo inspira-se em outras bibliotecas, em vez de mapear diretamente a biblioteca SDL para chamadas no estilo C.
  • Ruby/SDL
    Outra biblioteca de ligação com a SDL (Simple DirectMedia Layer). Ruby/SDL permite que você use a SDL com Ruby, possibilitando criar games com esta linguagem. Ruby/SDL oferece a vantagem de criar games e aplicações multimidia, com suporte a múltiplas plataformas.
  • Jemini
    Jemini é uma biblioteca para games desenhada para possibilitar a reutilização de funções. Quantas vezes é necessário implementar um is a game library designed to allow creation of reusable features. Quantas vezes alguém implementou o alvo num jogo de tiro em primeira pessoa, ou um minimapa em um game de estratégia em tempo real? Jemini vem embalado com muitos comportamentos, além da possibilidade de criar mais. Jemini usa Phys2D para a física e Slick para gráficos e input.
  • OgreRB
    OGRE (Object-Oriented Graphics Rendering Engine) é um flexível engine 3D orientado a cenas, escrito em C++ e desenhado para ser mais fácil e intuitivo, permitindo que desenvolvedores criem aplicações utilizando gráficos 3D com aceleração por hardware. A OGRERB permite utilizar o poder da OGRE com a linguagem Ruby.
  • Irrlicht
    A Irrlicht Engine é um motor 3D open source, de alto desempenho escrito em C + + e também está disponível para .NET. É multi-plataforma, usando D3D, OpenGL e seu próprio renderizador. Resumindo, tem todas as características encontradas em engines 3D proprietárias. A Irrlicht possui bindings para Ruby.
  • Railgun
    É uma biblioteca para games em Ruby, que pretende levar para o desenvolvimento de games todas as famosas idéias do Rails. O objetivo é oferecer jogos prontos rapidamente e possibilitar unit tests para games.
  • StarRuby
    Star Ruby é uma biblioteca para criação de games 2D ao estilo SNES.
  • ShinyCocos
    ShinyCocos é um binding para o Cocos2D – framework de games para iphone. ShinyCocos oferece uma maneira simples de criar jogos usando  Cocos2D para iPhone com Ruby. Ela faz a interface entre classes e módulos Ruby com as classes Cocos2D correspondentes.
  • Chingu
    Após desenvolver vários games usando a biblioteca Gosu, o desenvolvedor que identifica-se como ippa sentiu a necessidade de algumas melhorias. Daí nasceu a Chingu, que utiliza o core da Gosu, mas com a implementação de alguns helpers e comportamentos extras.

Hospedagem de sites


Tutoriais


Códigos de exemplo


Opinião

Artigos relacionados

Tags:
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>