Rubysistsforjapan-badge

Desculpem o delay de natal…

A versão 1.9.0 da linguagem Ruby acaba de ser lançada (dia 25/12).

Esta versão contém muitas mudanças, incluindo uma nova máquina virtual que incrementou mais velocidade (veja os testes).

Como reza a tradição, Ruby 1.9 foi lançada no Natal de 2007. A versão 1.9 ainda é uma versão em desenvolvimento de Ruby, logo, você não deve migrar suas aplicações em produção de imediato (Matz disse que a estabilidade da versão 1.9 será melhorada). Ou seja, a versão 1.8 ainda é a versão oficialmente estável, apesar de que alguns projetos, incluindo o Rails, são compatíveis com a nova versão.

Ruby 1.9 traz novas características e muitas mudanças. Provavelmente a maior delas é interna: Ruby 1.9 é implementado sobre a YARV, uma máquina virtual mais eficiente que a velha árvore sintática abstrata (AST), trazendo bons ganhos de performance. A melhor fonte de informação sobre as mudanças entre as versões 1.8 e 1.9 é a lista montada pelo Mauricio Fernandez.

Também é interessante notar o fato de que algumas ferramentas externas importantes como RubyGems e Rake, agora fazem parte das bibliotecas padrão.

O ponto negativo é que Ruby 1.9 não é totalmente compatível com a versão 1.8, devido a algumas alterações na semântica da linguagem. Isso torna necessário a realização de testes e adaptações antes de migrar uma aplicação desenvolvida com versões anteriores.

Como já faz alguns dias do lançamento, já tem algumas análises da nova versão na rede:

Ruby 1.9 – Right for You?
Testing both Ruby 1.8 and 1.9 using MultiRuby
Xmas Gift: Ruby 1.9 Coverage (pelo Fábio Akita)
Some sort of japanese interview with Matz (ele fala sobre Ruby 1.9)
Faça o download da nova versão, e divirta-se!

Via InfoQ e SlashDot e RubyInside

Leia também:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>